terça-feira, 2 de setembro de 2014

VIDA E MORTE

 A morte é mesmo de morte:
Não está nem aí pra vida
Seja no sul, seja no norte…
Arrasta, machuca, trucida…

Seja rico, ou seja pobre
Seja rei, rainha, vassalo…
A morte quando descobre
Esfola, cola… feito um calo

Vida é vida, a vida inteira
A morte apesar de ser forte
A morte coitada, é passageira

Morte é desgraça sem fim
Vida é luz é amor é sorte
Morte em fim, a morte é fim

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por interagir conosco