segunda-feira, 4 de agosto de 2014

ARIANO PERNAMBUCO SUASSUNA PARAÍBA

Com a recente viagem encantada de Ariano exacerbou-se nas redes sociais uma discussão boba acerca da sua naturalidade, se paraibano ou pernambucano, como se isso tivesse alguma importância. A meu ver, as linhas que demarcam os estados do Nordeste são apenas apetrechos para facilitar aulas de Geografia, artifícios para facilitar o entendimento da matéria: o Nordeste é muito maior que convenções pedagógicas. É um só, Nação única e indivisível, embora  plural. Os sotaques são iguais, assim como são as mesmas a culinária e a maneira de vestir de seu povo. Nunca vi nas estradas que percorro qualquer alteração climática ou de solo quando se ultrapassa o limite de um dos Estados. Não fosse a placa indicativa, nem se desconfiaria. Ariano é Nordestino, como Gonzaga, Padre Ciço e Dom Hélder também o são, independente do local em que nasceram, se antes ou após a linha imaginária que demarca os estados da região. Não sei se é isso. Só sei que é assim que eu penso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por interagir conosco