domingo, 17 de junho de 2012

NA PB: Idosa é estuprada após sair de velório por filho do falecido


A única coisa que tenho é minha vida”; chora vítima; acusado de crime irá responder livre

Um velório no município de Mulungu deu mais motivos para o choro da idosa Maria Feliciano de Oliveira (de 69 anos) que a perda de uma pessoa querida. Disposta a prestar suas últimas homenagens a um amigo, a anciã foi até o local, mas sequer imaginava o que iria passar depois.



Feitas suas orações e despedidas, Maria pediu carona a um dos filhos do morto, Genival Vieira da Costa, 44 anos, que se dispôs a levá-la em sua motocicleta. No meio do caminho, o “gentil” homem parou a moto e a obrigou a tirar a roupa. Sem ter como se defender, se despiu e foi violentada sexualmente.

Apesar do fato ter eclodido agora, o crime aconteceu no começo do mês. Segundo a vítima, o medo de morrer a impediu de fazer a denúncia, já que o estuprador já a estava ameaçando. A idosa chegou a mudar de casa temendo por sua vida.

"Eu tenho medo de perder minha vida, meu filho, é a única coisa que tenho na minha vida", disse, aos prantos, a idosa.

A situação só chegou ao conhecimento policial por meia de uma amiga da vítima, que, desconfiada, investigou o caso e descobriu detalhes do fato.

Capturado, Genival estava portando uma faca peixeira e um punhado de maconha. Por não ter sido pego em flagrante, o acusado irá responder pelo crime de estupro em liberdade.


Mais PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por interagir conosco