quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

MULHER TRANSA AOS GRITOS E TIRA SONO DE VIZINHOS

Um cidadão registrou ocorrência na 6ª DP (Paranoá, Distrito Federal), chefiada pelo delegado Miguel Lucena, contra uma vizinha, acusada de praticar a contravenção de perturbação do sossego alheio durante o ato sexual. Segundo o denunciante, a mulher faz barulho a noite inteira e profere impropérios impublicáveis. "Ninguém consegue dormir, parece uma briga de gatos", reclama o morador da quadra 2 da cidade.

Na noite de ontem, disse o reclamante, a mulher estava no auge da transa quando começou a gritar: "Empurra, empestado; lasca, gota serena; arranca a tampa, infeliz; destamboca; bexiga lixa; cavalo do cão; jumento de lote, jumento do tabuleiro; me acudam que eu ja morri". E por aí foi, com a vizinhança toda acordada, as luzes acesas, menino chorando e pensando que alguém havia praticado homicídio.

Vai ser fogosa assim na beira do Açude Velho de Princesa!

blog do tião

2 comentários:

Obrigado por interagir conosco