sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Conciência Negra

20 de Novembro - Dia Nacional da Consciência Negra

20 de novembro é o Dia Nacional da Consciência Negra. A data - transformada em Dia Nacional da Consciência Negra pelo Movimento Negro Unificado em 1978 - não foi escolhida ao acaso, e sim como homenagem a Zumbi, líder máximo do Quilombo de Palmares e símbolo da resistência negra, assassinado em 20 de novembro de 1695.

O Brasil é um pais onde não deveria haver racismo, pois segundo a Consulesa de Israel, na época em que era presidente o Marechal Humberto de Alencar Castelo Branco, que foi expulsa do nosso país, porque enviou para seu país um negro brasileiro que queria ser diplomata e foi impedido pelo Itamaraty e devido a cor da pele, não obteve ajuda do governo brasileiro.

Então, por ocasião da morte de Castelo Branco, em um acidente aéreo, mal explicado nos inquéritos militares, ocorrido em 18 de julho de 1967; ela então enviou um telegrama para o governo brasileiro com o seguinte teor: "O Brasil está de parabéns pela morte do Castello, pois o Brasil tem uma feijoada de raças!"

Mas se observarmos direitinho, o que impera no nossa "pátria varonil" não é o preconceito de cor e sim o preconceito socio-econômico. O próprio negro é racista, ele mesmo não aceita a cor da sua pele, basta ver que a maioria dos que conseguem uma boa independência financeira escolhem como companheiro um(a) galego(a).

Uma outra coisa que sempre me chamou a atenção. Quem nunca assistiu a pouco tempo, nos noticiarios da televisão envolvendo o preconceito a entrevistada ou o entrevistado responder a famosa pergunta: Por que o senhor(a) deu parte de fulano: - Porque ele(a) me chamou de Nego(a) fedorento(a)! Desta feita não era problema de cor e sim... de catinga.

Mais é isso aí, o Brasil é um país de gente feliz, ou como diz a propaganda do governo Lula:


Sem querer ferir aos brasileiros negros (cruzive eu!), que tem dado seu contributo para a grandeza deste país, queremos aqui parabenizar a todos aqueles que realmente tem a "Consciência Negra" - Os Políticos Brasileiros!

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

19 de novembro - Dia da Bandeira é esquecido pelo poder público municipal de Itaporanga

Não fosse a eterna vigilância do grande "Guerreiro de Mujiqui", o poder públlico municipal em Itaporanga, não teria sequer lembrado que no dia 19 de novembro, em todo o país, se comemora o dia da Bandeira. O guardião das tradições, mandou observar em todas as repatiçõoes públicas municipais e em nenhuma, lembraram de hastear, a homenageada do dia.

Vendo o disparate, que é praxe desta malfadada administração, que já entrou para a história política de nossa cidade como a pior de todas elas, Paulo Conserva usando o programa Correio Debate, já quase meio-dia, fez a denúncia, que o "povo" do prefeito deve ter ouvido. Eu imagino a correria... Imediatamente tentaram fazer uma emenda no soneto de pé quebrado. Mas como sempre a emanda fica muito pior que o soneto e deu nisso.

Mais uma vez o "blog da prefeitura", expõe a execração pública a administração pública de Itaporanga. Melhor teria ter tirado onda de doido e fazer de conta que não tinham ouvido o programa da Correio do Vale AM. Teria ficado menos feio.

"Nunca na história desse desse país" e dessa cidade se ouviu dizer de uma solenidade de hasteamento da bandeira nacional ao "pingo do meio-dia", já passava muito do meio-dia, quando houve ao "meio-dia solenidade sinbolica em comemoração ao Dia da Bandeira". Confiram na foto acima e vejam também a enorme multidão que compareceu ao evento amplamente anunciado e divulgado com antecedência, como sempre acontece nesta gestação, que falta pouco para completar os nove meses.

Nossa reportagem, também sempre vigilante, obsrvou que até o meio dia, não havia nenhum pavilhão nacional hasteado em nenhuma repartição pública municipal, mas encontramos duas bandeiras devidamente içadas a seus mastros, em horário conveniente... Uma no TRT e outra no escritório do advogado Paulo Cesar Conserva.